PUBLICIDADE

Topo

Brasil está mais perto do título mundial de Rainbow Six no Canadá

Leo Bianchi

16/02/2020 08h00

Julio Giacomeli, da NiP, com a bandeira do Brasil após a vitória diante dos franceses da BDS (Leo Sang/Ubisoft)

Estamos perto, mais uma vez, de comemorar um título mundial de eSports. A equipe brasileira Ninjas in Pyjamas (NiP) joga neste domingo, às 14h, horário de Brasília, para tentar chegar à final do Six Invitational 2020, o mundial de Rainbow Six Siege, jogo de tiro tático em equipes da Ubisoft. O adversário é a TSM, dos Estados Unidos. Se os brasileiros vencerem, vão para a decisão ainda neste domingo contra o Spacestation, também dos EUA.

O Six Invitational 2020 acontece em Montreal, no Canadá, e vai distribuir mais de R$ 12,5 milhões em premiação. O Mundial teve 16 equipes de todo o mundo, incluindo quatro do Brasil: Ninjas in Pyjamas, MiBR, FaZe Clan e Team Liquid. Os dois últimos foram eliminados precocemente, ainda na primeira fase do torneio. Os "Ninjas" da NiP foram os melhores brasileiros da primeira fase, com duas vitórias. Tiveram apenas um tropeço nos playoffs: derrota por 2 a 0 para a TSM, rival que aparece de novo no caminho.

Murilo "Muzi" é o destaque da NiP. Já fez 139 eliminações no Six Invitational 2020 (Leo Sang/Ubisoft)

A equipe formada por Gabriel "Pino", Murilo "Muzi", "Julio" Giacomelli, Gustavo "Psycho" e João "Kamikaze" se recuperou no campeonato de forma brilhante. Passou pela repescagem sem dar chance para os adversários. Venceu a europeia G2 Esports, atual campeã do Six Invitational, por 2 a 0. Despachou a americana DarkZero, apontada por muitos como uma das favoritas para vencer no Canadá, e eliminou no sábado a BDS Esport da França por 2 a 1.

O torcedor está animado não só porque o time brasileiro mostrou evolução ao longo do campeonato, mas especialmente porque o talento individual dos jogadores da NiP tem aparecido. Ora com Pino, ora com Muzi e até mesmo com o suporte Kamikaze, que tem uma função mais defensiva (e ingrata no jogo – ele é o responsável por carregar e plantar a bomba nos objetivos).

A NiP mescla juventude (Muzi, 18 anos e Pino, 19) e experiência: Julio, Psycho e Kamikaze já foram finalistas da Pro League de São Paulo, em 2017, e chegaram na semifinal do Six Invitational de 2018, quando jogavam pela Black Dragons. O quinteto é um dos mais habilidosos do mundo. Murilo "Muzi", por exemplo, tem uma taxa de eliminação (KDR) de 1.18 no mundial. Gustavo "Psycho" é um líder nato, acumula as funções de capitão e "técnico" (o então coach Arthur Schubert deixou a equipe há menos de um mês). O manager André "Bob" é quem acompanha os jogadores nas partidas, e tem tido papel importante: ele cobra, anima e mantém a equipe ligada o tempo todo.

A gente consegue fazer tudo muito bem. Se precisar jogar na tática ou trocação, estamos prontos. O que o adversário propuser… Então, estamos preparados para o que vier. Acho que esse é o nosso diferencial, a gente sabe se adaptar bem em qualquer situação – João Kamikaze

Eles aprenderam a fazer a leitura dos adversários, conseguem improvisar e são praticamente imbatíveis no mano a mano. É uma equipe temida. Por isso, o feito da NiP até aqui é memorável. E pode entrar num seleto hall de vencedores dos eSports. O Brasil só tem um título internacional no R6, com a Team Liquid em 2018, na Pro League. Mas o Six Invitational é um campeonato muito maior, mais difícil e cobiçado. Vencer aqui é chegar ao topo do mundo, e a NiP pode conseguir!

Você pode acompanhar as finais do mundial de Rainbow Six Siege pelo canal de R6 na Twitch.

João Kamikaze vibra ao conseguir a vaga para o último dia de competição do Six Invitational (Leo Sang/Ubisoft)

 

Sobre o Autor

Leo Bianchi é jornalista, já foi repórter e apresentador do Globo Esporte. É apaixonado por competição e já cobriu Copa do Mundo, Fórmula 1, UFC e mundiais de CSGO, R6, FIFA, Just Dance e Free Fire. Também é youtuber e Pro Player frustrado.

Sobre o Blog

No GGWP você encontra análise dos cenários competitivos no Brasil e no mundo, além dos bastidores do universo envolvendo times, pro-players e novidades em geral.

GGWP