PUBLICIDADE

Topo

Histórico

FURIA: o melhor time de CS do Brasil tem torcedores como Neymar e Casemiro

Leo Bianchi

22/05/2020 07h16

Em 2020, a FURIA se tornou o principal time brasileiro de CSGO ao desbancar a lendária equipe do MIBR de Fallen (Foto: HLTV)

Quanto tempo uma organização de esportes eletrônicos precisa para cravar seu nome de forma efetiva no cenário competitivo? A resposta depende, é claro, de uma série de fatores. Em que região está o time, o quanto ele investe, como são estruturadas as competições do respectivo jogo… Um exemplo positivo neste sentido é a FURIA. Não à toa, com três anos de caminhada, a equipe se tornou, no momento, a mais forte representante brasileira no Counter-Strike: Global Offensive, um game no qual o Brasil tem tanta tradição.

Neste ano, já são duas finais: DreamHack Open Anaheim e ESL One Road to Rio, ambas com o vice-campeonato diante da Gen.G. Independentemente do resultado, é necessário interpretar como a FURIA, em um período curto, se transformou em uma gigante no FPS da Valve. O trabalho, diante e por trás das câmeras, atrai fãs e mostra desenvolvimento, sem qualquer acomodação. A marca se tornou reconhecida nos eSports, dentro e fora do Brasil.

Torcida de peso: Casemiro (Real Madrid), Neymar (PSG), Lucas Paquetá (Milan) e Arthur (Barcelona) posam pra foto com camisa da FURIA

Com o CEO Jaime Pádua e os sócios André Akkari e Cristian Guedes, a organização ganhou a simpatia de grandes jogadores de futebol brasileiros. Primeiro, ninguém menos que Neymar – sempre atento aos jogos da equipe e na torcida. Depois, vieram outros vários: Casemiro, Arthur, Lucas Paquetá, Gabriel Jesus… Todos eles jogaram, inclusive, um evento online que arrecadou R$ 25 mil no combate à pandemia do coronavírus.

No Ranking da HLTV de CSGO, a FURIA aparece na nona colocação e é o time brasileiro mais bem colocado, deixando pra trás o MIBR (três posições abaixo) do lendário Fallen e cia. Aliás, no confronto direto entre os dois principais times brasileiros em 2020, a equipe formada por HEN1, KSCERATO, yuuri, arT e VINI leva a melhor. São quatros jogos e quatro vitórias diante do MIBR (jogos pela ESL Pro League Season 11, ESL Road to Rio e DreamHack Masters).

Para falar em sucesso e fortalecimento de marca, basta olhar para o uniforme da FURIA. Ao contrário de boa parte das organizações de eSports no planeta, a equipe conta com uma gigante do setor como fornecedora esportiva: a Nike. Não se trata apenas de patrocínio, mas de uma legitimação perante o público que não acompanha o cenário. Fatores que contam, e muito, para mostrar os games como quaisquer outras modalidades tradicionais.

A equipe brasileira acumula bons resultados, belas jogadas e highlights. Equipe já é a "queridinha" dos fãs de CSGO no Brasil. (FOTO: HLTV)

Embora o CS:GO seja o carro-chefe da organização, a FURIA movimenta o cenário de diversas outras formas. No League of Legends, por exemplo, optou pela entrada com uma união junto à Uppercut – chegando à semifinal no primeiro CBLoL após a fusão, com o nome FURIA Uppercut. No próximo split, será apenas FURIA. Uma expansão importante, também no que diz respeito a criadores de conteúdo e streamers ligados à equipe. A equipe também está presente na LBFF de Free Fire e no Brasileirão de Rainbow Six Siege.

Em 2020 a FURIA expandiu suas modalidades para Free Fire e Rainbow Six Siege

O trabalho da organização deixa claro a quem acompanha os esportes eletrônicos que, embora o resultado dentro de jogo seja a prioridade, há dezenas de outros fatores que precisam ser levados em conta para elevar o nome de um time no cenário. O sucesso, definitivamente, não é à toa ou exclusivo do desempenho. Investimento e veia empreendedora são fundamentais.

Sobre o Autor

Leo Bianchi é jornalista, já foi repórter e apresentador do Globo Esporte. É apaixonado por competição e já cobriu Copa do Mundo, Fórmula 1, UFC e mundiais de CSGO, R6, FIFA, Just Dance e Free Fire. Também é youtuber e Pro Player frustrado.

Sobre o Blog

No GGWP você encontra análise dos cenários competitivos no Brasil e no mundo, além dos bastidores do universo envolvendo times, pro-players e novidades em geral.