PUBLICIDADE

Topo

Histórico

De Ayrton Senna ao Palestra Itália: como o esporte é eternizado nos games

Leo Bianchi

21/06/2020 09h00

Camisa do Corinthians é inserida como item dentro do Free Fire. A equipe campeã mundial de 2019 foi imortalizada no jogo (Divulgação)

Quem gosta de videogame tem diversos laços afetivos relacionados a um determinado console ou a um jogo que marcou sua vida. Seja no Atari ou em um computador moderno com a placa de vídeo mais avançada do mercado, os jogos criam memórias e eternizam momentos de diversas maneiras. No contexto do esporte eletrônico, é possível viajar para outras épocas e relembrar o que muitas vezes acaba esquecido ou simplesmente apagado pelo tempo.

A iniciativa da CBB (Confederação Brasileira de Basketball) em reviver o histórico uniforme da seleção brasileira que venceu o Mundial de Basquete em 1959 e 1963 para um amistoso de NBA 2K contra a Argentina neste mês é um claro exemplo disso. Imagine quantos fãs da modalidade acompanham ídolos americanos, como LeBron James e Stephen Curry, mas sequer faziam ideia de um capítulo tão rico do esporte nacional?

Uniforme histórico da seleção brasileira de basquete – que venceu o Mundial em 1959 e 1963 – está no jogo NBA 2K (Divulgação)

Outros simuladores também funcionam muito neste sentido. Que o digam o FIFA e o Pro Evolution Soccer, com seus jogadores lendários. Quem não viu Pelé jogar, pode colocá-lo em ação no videogame. O palmeirense que não teve oportunidade de frequentar o antigo Palestra Itália também tem a chance de reviver cada pedacinho da antiga casa alviverde e marcar um gol ali. Não se trata de algo banal, mas sim de uma experiência memorável – que pode conectar memórias de pais e filhos, por exemplo.

Inaugurado em 1902, o estádio Palestra Itália passou por várias reformas, a última delas em 2010 quando se transformou em Arena e a capacidade de público foi ampliada de 31.704 para 43.713 pessoas. (Divulgação)

O que dizer do F1 2019, por exemplo, que trouxe ninguém menos que Ayrton Senna e Alain Prost, rivais históricos no automobilismo, para dentro do jogo? Quem cresceu ouvindo as histórias épicas de Senna na categoria pode ter a oportunidade de conquistar um grande prêmio com ele em uma reprodução realista e extremamente fiel aos detalhes. Algo que vai muito além de assistir aos vídeos ou ler os relatos.

Ayrton Senna venceu três campeonatos mundiais de Formula 1 (1988, 1990 e 1991). Morreu num acidente no GP de San Marino, em Ímola na Itália, em 1994. Ao todo, Senna participou de 161 grandes prêmios na Fórmula 1, alcançando 41 vitórias, 80 pódios, 65 pole positions. (Divulgação).

Nesta semana, o uniforme do Corinthians foi reproduzido dentro do Free Fire, onde está eternizado. Campeão mundial do game, o Timão recebeu a homenagem em referência ao título. Imagine quantas pessoas se envolverão com o game somente para ter a oportunidade de jogar com o manto alvinegro e quantos jogadores já assíduos do Battle Royale ficaram ainda mais satisfeitos com a chegada do item.

Ver essa foto no Instagram

 

O Campeão Mundial de 2019 nunca será esquecido. Relembre a vitória. 18.06.2020

Uma publicação compartilhada por Free Fire Brasil – OFICIAL (@freefirebr_oficial) em

A verdade é que, em geral, os esportes (principalmente os clubes, propriamente ditos) ainda aproveitam muito mal as chances que os games podem proporcionar não só em engajamento, mas em criação de oportunidades, marketing e ações publicitárias. Até porque muitos atletas são envolvidos com jogos eletrônicos e eSports, e a interação é sempre saudável e positiva para todos os lados.

Games e esportes são dois dos maiores geradores de lembranças através das gerações. Juntar as duas coisas é uma fórmula de sucesso que merece ser aplicada de todas as formas possíveis.

Sobre o Autor

Leo Bianchi é jornalista, já foi repórter e apresentador do Globo Esporte. É apaixonado por competição e já cobriu Copa do Mundo, Fórmula 1, UFC e mundiais de CSGO, R6, FIFA, Just Dance e Free Fire. Também é youtuber e Pro Player frustrado.

Sobre o Blog

No GGWP você encontra análise dos cenários competitivos no Brasil e no mundo, além dos bastidores do universo envolvendo times, pro-players e novidades em geral.